A primeira fase da historiografia latino-americana e a construção da identidade das novas nações

Autores

  • Claudia Wasserman UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.15848/hh.v0i7.338

Palavras-chave:

Historiografia hispano-americana, Identidade nacional, América Latina

Resumo

O objetivo deste artigo é examinar as propostas e afirmações a respeito da identidade nacional na historiografia latino-americana a partir do movimento da independência no começo do século XIX e no período imediatamente pós-emancipação. No artigo discutiu-se a temática da identidade nacional, da nossa especificidade, das dificuldades de ordenamento de identidades consideradas como originárias; temas constantes na historiografia e nas discussões políticas latino-americanas nesse período.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudia Wasserman, UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS

Professor Associado Departamento História UFRGS

História da América Latina Contemporânea

Pesquisador do CNPq

Downloads

Publicado

2011-12-06

Como Citar

WASSERMAN, C. A primeira fase da historiografia latino-americana e a construção da identidade das novas nações. História da Historiografia: International Journal of Theory and History of Historiography, Ouro Preto, v. 4, n. 7, p. 94–115, 2011. DOI: 10.15848/hh.v0i7.338. Disponível em: https://historiadahistoriografia.com.br/revista/article/view/338. Acesso em: 20 set. 2021.

Edição

Seção

Dossiê “Historiografia na América Espanhola”