Pintura de uma paisagem

Nikolai G. Tchernichévski: contribuição à filosofia da história na Rússia do século XIX

Camilo José Teixeira Lima Domingues

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar e sistematizar as contribuições do escritor e jornalista revolucionário russo Nikolai Gavrílovitch Tchernichévski (1828-1889) à filosofia da história. Para tanto, partir-se-á de três obras filosóficas do autor tomadas como referência: “O princípio antropológico na filosofia”, “O caráter do conhecimento humano” e “As relações estéticas da arte com a realidade”. A partir da primeira obra, será analisado o debate acerca dos postulados das assim chamadas ciências exatas e ciências morais, vigente à época (1860) e motivo de controvérsias e discussões filosóficas até os dias de hoje. Em “O caráter do conhecimento humano” serão analisados e discutidos o papel que o autor confere à história e a sua concepção de desenvolvimento histórico. O terceiro ensaio do autor servirá à discussão da história como representação. Ao final, evidencia-se a marcante influência da filosofia feuerbachiana na obra de Tchernichévski e é elaborado o esboço de uma possível filosofia da história tchernichevskiana.


Palavras-chave


Filosofia da história; Materialismo histórico; Historiografia do século XIX

Texto completo:

107-123


DOI: https://doi.org/10.15848/hh.v0i15.704

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia