O giro imaginativo no estudo do antiquariado britânico: In Defiance of Time, de Angus Vine

Autores

  • Pedro Telles da Silveira Universidade Federal de Ouro Preto

DOI:

https://doi.org/10.15848/hh.v0i14.664

Palavras-chave:

Historiografia moderna, Antiquariato, Ars histórica

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pedro Telles da Silveira, Universidade Federal de Ouro Preto

Mestre em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, onde defendeu, em 2012, sua dissertação intitulada "O cego e o coxo: crítica e retórica nas dissertações históricas da Academia Brasílica dos Esquecidos (1724-1725)", sob orientação do Prof. Dr. Fernando Felizardo Nicolazzi. Possui como áreas de interesse a história da historiografia no período moderno em suas ramificações europeia e iberoamericana e a teoria da história.

Downloads

Publicado

2013-09-03

Como Citar

DA SILVEIRA, P. T. O giro imaginativo no estudo do antiquariado britânico: In Defiance of Time, de Angus Vine. História da Historiografia: International Journal of Theory and History of Historiography, Ouro Preto, v. 7, n. 14, p. 155–161, 2013. DOI: 10.15848/hh.v0i14.664. Disponível em: https://historiadahistoriografia.com.br/revista/article/view/664. Acesso em: 23 set. 2021.

Edição

Seção

Resenhas, Entrevistas, Traduções e Documentos historiográficos