História e historiadores na vulgarização científica do Brasil oitocentista

as “Conferências Populares da Glória”

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15848/hh.v14i37.1780

Palavras-chave:

Historiografia, Conhecimento histórico, Campo científico

Resumo

O objetivo deste trabalho é compreender que lugar a história e os “historiadores” ocuparam nas Conferências Populares da Glória, considerada pela literatura especializada como um marco da “vulgarização científica” do Brasil oitocentista. Para esse fim, serão examinados os perfis dos principais “conferencistas de história”, as temáticas dessas conferências e o teor de algumas dessas falas. Considera-se neste estudo o período 1873-1880, e o corpus documental é formado por resumos e transcrições das conferências publicadas em jornais e revistas do Rio de Janeiro. A análise evidenciou que um dos mais importantes eventos de vulgarização científica do Brasil no século XIX reservou um lugar expressivo para temas históricos e que os “historiadores” e a “história” aí representados estavam alinhados com as perspectivas históricas predominantes no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB), estando a história, a exemplo de outras humanidades e ciências da natureza, a serviço do projeto de instrução pública que orientou, desde o início, as Conferências Populares da Glória.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Leal Pastor de Carvalho, Universidade de Brasília

Bruno Leal Pastor de Carvalho é doutor em História Social na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor Adjunto de História Contemporânea do Departamento de História da Universidade de Brasília (UnB) e do Programa de Pós-Graduação em História desta mesma instituição. Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em História Pública da Universidade Estadual do Paraná. Tem desenvolvido pesquisas sobre História Pública, História Digital e Divulgação Científica. É fundador e editor do portal Café História, especializado na divulgação científica de História. Também desenvolve pesquisas sobre crimes nazistas e justiça no imediato pós-guerra. É organizador, ao lado de Ana Paula Tavares Teixeira, do livro “História Pública e Divulgação de História”, publicado em 2019 pela Editora Letra e Voz.

Referências

ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS. Biografia [João Manuel Pereira da Silva]. Rio de Janeiro, s. d. Disponível em: https://www.academia.org.br/academicos/j-m-pereira-da-silva/biografia. Acesso em: 4 mar. 2020.

ACADEMIA NACIONAL DE MEDICINA. João da Costa Lima e Castro. s. d. Disponível em: https://www.anm.org.br/joao-da-costa-lima-e-castro. Acesso em: 1 nov. 2021.

ALMANAQUE GARNIER, Rio de Janeiro, ed. 1, 1903.

ARARIPE, Tristão de Alencar. Guerra civil no Rio Grande do Sul: memoria acompanhada de documentos lida no Instituto Historico e Geographico do Brazil. Rio de Janeiro: Typ. Universal de E. & H. Laemmert, 1881.

ARARIPE, Tristão de Alencar. História da província do Ceará: desde os tempos primitivos até 1850. Fortaleza: Edições Demócrito Rocha, 1867.

ARARIPE, Tristão de Alencar. Independência no Maranhão. Revista do IHGB, Rio de Janeiro, t. 48, v. 71, p. 159-171, 1885.

ARARIPE, Tristão de Alencar. Movimento colonial da América. Revista do IHGB, Rio de Janeiro, t.56, v. 88, p. 91-115, 1893.

ARARIPE, Tristão de Alencar. Pater-famílias no Brasil nos tempos coloniais. Revista do IHGB, Rio de Janeiro, t. 55, v. 86, pt. 2, p. 15-23, 1892

ARARIPE, Tristão de Alencar. Primeiro navio francês no Brasil. Revista do IHGB, Rio de Janeiro, t. 49, v. 73, p. 315-360, 1886.

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação de Documentos Escritos. Equipe de Documentos Privados. Teófilo das Neves Leão. In: ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Inventário das coleções. Rio de Janeiro, 2005. p. 599-603. dig. (AN/SCO/SDP 064, v. 2) - Não impressos

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Inventário das coleções da Seção de Documentos Privados. Rio de Janeiro, 1992. v.1, p. 134-135, dat. - Não impressos.

BADINTER, Elisabeth. As paixões intelectuais: desejo de glória (1735-1751). Rio de Janeiro: Record, 2007.

BASTOS, Maria Helena Camara. Conferências Populares da Freguesia da Glória. Rio de Janeiro: SBHE, 2002.

CARULA, Karoline. A tribuna da ciência: as Conferências Populares da Glória e as discussões do darwinismo na imprensa carioca (1873-1880). São Paulo: Annablume, 2009.

CARULA, Karoline. As Conferências Populares da Glória e as discussões do darwinismo na imprensa carioca (1873-1880). Campinas: UNICAMP, 2007.

CARVALHO Júnior. Francisco Antônio de Carvalho Júnior. In: ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. São Paulo: Itaú Cultural, 2021. Disponível em: http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa21753/carvalho-junior. Acesso em: 29 jun. 2021.

CEZAR, Temístocles. Livros de Plutarco: biografia e escrita da história no Brasil do século XIX. Métis: história & cultura, Caxias do Sul, v. 2, n. 3, p. 73-94, jan./jun. 2003.

CONFERÊNCIAS POPULARES, Rio de Janeiro, n. 10, 1876d.

CONFERÊNCIAS POPULARES, Rio de Janeiro, n. 14, 1876e.

CONFERÊNCIAS POPULARES, Rio de Janeiro, n. 2, 1876a.

CONFERÊNCIAS POPULARES, Rio de Janeiro, n. 3, 1876b.

CONFERÊNCIAS POPULARES, Rio de Janeiro, n. 4, 1876c.

CORADINI, Odaci Luiz. Grandes famílias e elite profissional na medicina no Brasil. História, ciências, saúde - Manguinhos, Rio de Janeiro, v. 3, n. 3, p. 425-466, 1996.

DANTAS, Ney. A História da Sinalização Náutica Brasileira e breves memórias. Rio de Janeiro: Ed. FEMAR, 2000.

DE SÁ JÚNIOR, Luiz César. A querela dos antigos e modernos: um panorama historiográfico. Antíteses, Londrina, v. 9, n. 18, p. 494-515, 2016.

DE OLIVEIRA, Maria da Glória. Escrever vidas, narrar a história: a biografia como problema historiográfico no Brasil oitocentista. Rio de Janeiro, Editora FGV, 2012.

DIÁRIO DO RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro, 15 dez. 1873b.

DIÁRIO DO RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro, 16 dez. 1873c.

DIÁRIO DO RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro, 7 dez. 1873a.

DICIONÁRIO HISTÓRICO-BIOGRÁFICO DAS CIÊNCIAS DA SAÚDE NO BRASIL [1832-1930]. Casa de Oswaldo Cruz. S. l.: Fiocruz, s. d.

FERRARO, Alceu Ravanello; KREIDLOW, Daniel. Analfabetismo no Brasil: configuração e gênese das desigualdades regionais. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 29, n. 2, 2004.

FONSECA, Maria Rachel da. As “Conferências Populares da Glória”: a divulgação do saber científico. História, Ciências, Saúde - Manguinhos, Rio de Janeiro, v. 2, n. 3, p. 135-166, fev. 1996. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/hcsm/v2n3/a07v2n3.pdf. Acesso em: 7 fev. 2021.

JORNAL DO COMMERCIO, Rio de Janeiro, 18 abr.1874.

LAGO, Laurênio.; MATTOSO, Pedro José Xavier. Supremo Tribunal de Justiça e Supremo Tribunal Federal: dados biográficos: 1828-2001. Brasília: Supremo Tribunal Federal, 2001.

LEITÃO, Luís. Felipe Figueiredo. Educação e progresso: o ensino sob o olhar conservador (1873-1890). Rio de Janeiro: UFRJ, 2016.

MALET, Antoni. Divulgación y popularización científica en el siglo XVIII: entre la apología cristiana y la propaganda ilustrada. Quark, Barcelona, p. 13-23, 2002.

MELO, Thaís de. O Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro na Educação: caminhos, cruzamentos e disputas (1900-1922). Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 24, 2019.

NABUCO, Joaquim. Minha formação. Brasília: Senado Federal, 1998.

NORMAN, Larry F. The shock of the ancient: literature and history in early modern France. Chicago: University of Chicago Press, 2011.

O GLOBO, Rio de Janeiro, 13 de abr. de 1875.

O VULGARIZADOR, Rio de Janeiro, n. 1, 1877.

PATROCLO, Luciana Borges; LOPES, Ivone Goulart; CRAVO, Regina Lúcia Ferreira. Verdadeiras glórias nacionais: a memória acerca das primeiras gerações de professores do Colégio de Pedro II através das páginas da 'Revista da Semana’. Revista Brasileira de História da Educação, Maringá, v. 15, n. 3 (39), p. 173-200, 2015.

PINHEIRO, Luciana. BELO, Oliveira. Dicionário da Elite Política Republicana (1889-1930) da FGV CPDOC. s.d. Disponível em: http://cpdoc.fgv.br/sites/default/files/verbetes/primeira-republica/BELO,%20Oliveira.pdf. Acesso em: 1 nov. 2021.

PORTO-ALEGRE, Achylles. Homens Illustres do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Livraria Selbach, 1917.

REVISTA DA SEMANA, Rio de Janeiro, n. 56, 9 jun. 1901.

REVISTA DO INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO DE SÃO PAULO, São Paulo, 1894.

SALGADO, Manoel. Prefácio: a biografia como escrita da história. In: SOUZA, Adriana Barreto de. Duque de Caxias: o homem por trás do monumento. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008. p. 19-26.

SACRAMENTO BLAKE, Augusto Victorino Alves. Dicionário bibliográfico brasileiro. Rio de Janeiro: Conselho Federal de Cultura, 1970. 7 v.

SANTANA, Pedro Abelardo de. Os índios em Sergipe oitocentista: catequese, civilização e alienação de terras. 2015. Tese (Doutorado). Universidade Federal da Bahia. Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Salvador, 2015.

SANTOS, Heloisa Helena Meirelles dos. Congregação da Escola Normal: da legitimidade outorgada à legitimidade (re) conquistada (1880-1910). 2011. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2011.

SCHUELER, Alessandra F. Martinez Crianças e escolas na passagem do Império para a República. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 19, n. 37, p. 59-84, 1999.

SCOTT, Donald M. The popular lecture and the creation of a public in mid-nineteenth-century America. The Journal of American History, Bloomington, v. 66, n. 4, p. 791-809, 1980.

SILVA, Jaqueline Neves da. Na letra da lei: incêndios propositais, legislação e justiça criminal no Rio de Janeiro em finais do século XIX. XXVII Simpósio Nacional de História. ANPUH/SNH: Natal, 2013.

SILVA, João Manuel Pereira. Discursos parlamentares. Rio de Janeiro: BL Garnier, 1870.

SILVA, João Manuel Pereira da. História da fundação do Império brasileiro. Rio de Janeiro: Garnier, 1877.

SILVA, João Manuel Pereira da. Historia do Brazil de 1831 a 1840: governos regenciaes durante a menoridade. Rio de Janeiro: Dias da Silva Junior Typographo-Editor, 1878.

SILVA, João Manuel Pereira da. Jerônimo Corte-Real. Crônica portuguesa do século XVI. Rio de Janeiro: Tip. Imp. e Const. de J. Villeneuve e Comp., 1840.

SILVA, João Manuel Pereira da. O aniversário de D. Miguel em 1828. Jornal do Commercio. Rio de Janeiro, n. 18, 21 jan. 1839a. Folhetim, p. 2.

SILVA, João Manuel Pereira da. Religião, amor e pátria. Jornal do Commercio. Rio de Janeiro, n. 62, 15 mar. 1839b. Folhetim, p. 2.

SILVA, João Manuel Pereira da. Segundo Período do Reinado de D.Pedro I no Brasil. Rio de Janeiro: Garnier, 1871.

SILVA, José Maria Velho da. Gabriella: chronica dos tempos coloniaes. Rio de Janeiro: Imprensa Industrial, 1875.

SILVA, José Maria Velho da. Homens e factos da historia patria estudos biograficos seguindo a ordem estabelecida no programma das escolas primarias. Rio de Janeiro: Livraria do Povo, 1895.

SILVA, José Maria Velho da. Lições de rhetorica para uso da mocidade brazileira. Rio de Janeiro: Typ. da Escola de Serafim José Alves, 1882.

SILVA, Pereira da Silva; J M Pereira da et al. Parnaso brasileiro: ou Seleção de poesias dos melhores poetas brasileiros desde o descobrimento do Brasil precedida de uma introdução histórica e biográfica sobre a literatura brasileira por J. M. P. da Silva. Rio de Janeiro: Tipografia Universal de Laemmert, 1843.

SILVA, João Manuel Pereira. Plutarco brasileiro. [S. l.]: E. e H. Laemmert, 1847. v. 1.

SOARES, Francisco Sérgio Mota et al. A Biblioteca Pública da Bahia: dois séculos de história. Salvador: Secretaria da Cultura, Fundação Pedro Calmon - Centro de Memória e Arquivo Público da Bahia, Diretoria de Bibliotecas Públicas, 2012.

TASINAFO, Célio R. Introdução - Memórias do meu tempo: política como ciência experimental. In: SILVA, João Manuel Pereira da. Memórias do meu tempo. Brasília: Conselho Editorial do Senado Federal, 2003. p. 11-52.

TEIXEIRENSE, Pedro Ivo Carneiro. O jogo das tradições: a idéia de Brasil nas páginas da revista Nitheroy (1836). 2006. (Dissertação de Mestrado) - Universidade de Brasília (UnB), Brasília, 2006.

VERGARA, Moema de Rezende. Contexto e conceitos: história da ciência e "vulgarização científica" no Brasil do século XIX. Interciencia, Caracas, v. 33, n. 5, p. 324–330, 2008.

Downloads

Publicado

2022-01-13

Como Citar

CARVALHO, B. L. P. de . História e historiadores na vulgarização científica do Brasil oitocentista: as “Conferências Populares da Glória”. História da Historiografia: International Journal of Theory and History of Historiography, Ouro Preto, v. 14, n. 37, p. 135–170, 2022. DOI: 10.15848/hh.v14i37.1780. Disponível em: https://historiadahistoriografia.com.br/revista/article/view/1780. Acesso em: 19 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigo original