Biografar os grandes homens para trazê-los à História de uma nova forma: Plutarco e [as interseções de] um mesmo gênero

  • Lorena Lopes da Costa Universidade Federal do Oeste do Pará
Palavras-chave: História, Biografia, Gênero

Resumo

Neste artigo são discutidos, a partir de algumas passagens de Vidas, de Plutarco, os gêneros biografia e história com vistas a refletir se, na perspectiva de Plutarco, eles constituiriam gêneros distintos ou um mesmo gênero que se localizaria, assim, na História da Historiografia. Para tanto, faz-se uma genealogia da biografia a partir dos elementos da tradição grega que permanecem em Plutarco e toma-se, ainda, para estudo de caso, uma passagem específica da Vida de Alexandre. Mediante esse percurso, visa-se propor que a maior contribuição de Plutarco não teria sido propriamente estabelecer fronteiras fixas entre história e biografia, mas, na verdade, apresentar os grandes nomes da história de uma nova forma, revelando também suas passagens menos gloriosas e até anedóticas, tirando-lhes, por vezes, a armadura de herói para dar-lhes a roupagem de homens, de carne e osso, às vezes virtuosos, às vezes vis e às vezes ambíguos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lorena Lopes da Costa, Universidade Federal do Oeste do Pará
Professora Adjunta de Teoria da História na UFOPA. Doutora em História pela UFMG, sob orientação do Prof. Dr. José Antonio Dabdab Trabulsi.
Publicado
2018-03-26
Como Citar
LOPES DA COSTA, L. Biografar os grandes homens para trazê-los à História de uma nova forma: Plutarco e [as interseções de] um mesmo gênero. História da Historiografia: International Journal of Theory and History of Historiography, v. 10, n. 25, 26 mar. 2018.
Seção
Artigo